Cada um por si, e a internet contra todos

Antes de comecar o post, queria pedir desculpas a lingua portuguesa por assassinar os acentos, cedilhas, crases. Infelizmente, no pais da rainha, o teclado nao os reconhece, por isso o assassinato. Meu conhecimento em tecnologia e restrito de tal forma que nao consigo defende-los e coloca-los em meus textos, mesmo que suas vidas dependesse disso.

Ontem, enquanto jantava com a familia do M. o pai dele comentou sobre um video que ele havia visto no youtube. Tratava de uma baleia que pulou sobre um barco. Segundo o pai do M. logo apos o incidente, havia sido divulgado fotos do ocorrido. Dias depois, havia um video.

Qualquer pessoa hoje tem um celular com funcoes de camera, video, acesso a internet. Qualquer coisa que ocorre, tiramos uma foto e publicamos no twitter, facebook.

Lembro-me quando orkut era febre nacional. As fotos ja nao eram para eternizar momentos, e sim para serem postadas no album da rede social. Quem nunca disse “ essa vai para o orkut”! Os albuns de fotos impressos sao reliqueas. Quem aqui imprime as fotos que tira? Logo apos as ferias, no colegio, cada grupinho se amontoava num canto do colegio com albuns de fotos de viagens, de aniversarios, de festas! Hoje publica-se em redes sociais. Ah, sem contar da pressao que os amigos fazem com mensagens praticamente ameacadoras “coloca as fotos no orkut logoooooo!!!!”

Admito, sou da geracao “sem privacidade”, apesar de exigi-la em casa. Meu quarto, meu dominio! Sou usuaria de twitter, facebook, orkut, blog… Nos ultimos 4 anos, minha vida esta praticamente toda registrada em sites de relacionamento pela internet. Nao entendo essa necessidade minha de divulgar o que se passa comigo. Talvez seja uma carencia. Talvez nao… tenho certeza. Acho que essa geracao a qual me referi anteriormente como sendo geracao “sem privacidade” seja, na verdade, uma geracao carente, dependente de atencao. Que busca no interesse de estranhos em sua propria vida a atencao nao conseguida no meio que vive. Ufa, quase uma sociologa! Mas pensem comigo. Nas geracoes passadas, os pais tinham mais presenca na vida dos filhos. Minha mae, por exemplo, so teve a chave de casa quando casou, e obviamente, conquistou seu proprio canto. Dependia muito de minha avo, que tinha que leva-la na escola, festas, buscar aqui, acola. A mae que fazia as refeicoes, todos se sentavam a mesa. Hoje, raras sao as familias que ainda mantem a tradicao de sentar a mesa para, pelo menos, uma refeicao em familia por dia. Acredito que eram nesses encontros que surgiam as perguntas tais como “como foi seu dia”, “se divertiu na festa ontem”?
Nossa necessidade de nos divulgar talvez seja reflexo dos novos tempos. Cada um por si, e a internet contra todos. Creio que, como tudo na vida, esse seja apenas um ciclo. Na proxima geracao, os pais voltarao a se dedicar as familias, acredito que a tecnologia nao perdera seu lugar. Novas redes sociais serao criadas, e mais publica sera nossas vidas, mas acho que a necessidade de sermos vistos por estranhos mudara. E digo isso com uma explicacao. Pense no inicio do orkut. Quanto mais amigos tinhamos, melhor era. Com o passar do tempo comecamos a restringir. So adiciono quem eu conheco, fotos bloqueadas para estranhos, mensagens somente para amigos. Comecamos a deletar quem nao conheciamos de nossas listas, e o que eram 400 amigos se enxugou e tornou-se miseros 100.
Anúncios

Um pensamento sobre “Cada um por si, e a internet contra todos

  1. Hahaha, a questão das fotos é bem essa mesmo. As pessoas já tiram pensando no orkut, e eu não vou ser hipócrita e dizer q n faço isso, pq faço, haha. Mas essa é realmente uma geração carente. Beijoss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s