Namorado gringo

Dia dos namorados chegando né?! Quem tá com o namorado por perto bom e quem não tá o sistema postal (e sites que vendem flores) tão aí prá isso, porque te falar uma coisa, dia dos namorados sem flor (mesmo eu que não gosto muito de flores) não é dia dos namorados. Se bem que eu meio que mudei meu conceito quanto a isso porque Mr. M não é lá uma pessoa que manda flores (aí ele vai e prá eu pagar língua manda um ultra bouquet de rosas vermelhas gregas né?!)

Então, estou escrevendo este post porque a Karine, do Ká.entre.nós, postou no twitter (me segue) um link de um post dela falando sobre relacionamentos com gringos, e resolvi contar (e adicionar) a minha versão.

NAMORADO INGLÊS by Ms. Cherry

1-      Afeto Público: Se você está esperando seu novo namorado inglês te agarrar e te dar aqueles beijos que splish plash todo mundo olhou e com água na boca muita gente ficou yeh yeh não espere. Não é porque eles são frios, eles são reservados. Com o tempo você se acostuma e começa a ficar irritada com os casais que se pegam horrores quando saem com os amigos.

2-      Amiga é amiga, namorada é namorada: Na maioria das vezes, por não ter essa coisa de sair ficando com azamiga, as meninas que rodeiam, ligam, chamam pra ir no cinema, realmente são amigas. Por mais estranho que possa ser, por mais ciúmes que você tenha, azamiga dele são (90% dos caso) só amigas. Lá existe essa coisa de homem e mulher podem ser amigos.

3-      Cama de Casal: Muitos ingleses vivem com os pais até poderem comprar um apê, uma casa, e hoje em dia tem ficado cada vez mais complicado conseguir o first morgage. Então, é comum os pais liberarem geral. Namorado pode dormir, viver, passar pra só tomar banho, na casa dos pais da namorado tranquilamente, sem ninguém achar esquisito (só não conte prá vó).

4-      Sogras: Quem foi que contou que sogra é bicho ruim? Não conheço um só caso de genro e/ou nora que não tem um carinho enorme (e verdadeiro) pela sogra.

5-      Aprender português: Não é porque você sabe o idioma dele que ele tem que saber o seu. Imaginem como seria chato você tentar ensinar o seu namorado/marido um idioma que ele não tem a menor noção de onde começa e onde termina. A conversa não flui, você fica de saco cheio. Então, a não ser que você estipule uma hora, de tal hora a tal hora agente brinca de falar português, você vai inserindo palavras no cotidiano até ele ficar fluente. Mr. M, por exemplo, sabe como ninguém o que “ECA, MELECA” significa!

6-      Forrózin maroto: Você vai querer ouvir suas músicas brasileiras e ele vai achar um saco. Não que eu goste de um forrózin maroto, mas foi a única coisa que eu lembrei que Mr. M tem pavor.

7-      Arroz e feijão: A sua alimentação, 90% de certeza, vai ser bem diferente da dele. Prá começar, ele não almoça. Ele come sanduíche. Ele não lancha. Ele janta. Então, se você quiser cozinhar e agradar aos paladares de ambos, deverão conversar muito. MUITO.

Anúncios

Um pensamento sobre “Namorado gringo

  1. Opa! Apesar dos contras, tô pensando em arranjar um gringo. Hehehehe. Eu gostei da parte do sanduíche porque eu só tô vivendo a base disso ultimamente. E também acho legal um bom relacionamento com a sogra e não gosto de afeto público (desnecessário). Adorei o post, muito legal!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s