mas com palavras nao sei dizer…

Não sei se daqui a 10 anos ela saberá do amor incondicional que eu tenho por ela, espero que as lembranças que ela tenha de mim sejam as mais puras, as melhores e as mais sinceras. Espero que ela entenda que tudo que eu sempre fiz, faço e farei foi, é e será para fazê-la feliz.

Cada beijinho, sorriso, abraço estão gravados em minha mente e tatuados no meu coração.

Sou muito abençoada por ter a oportunidade de fazer parte da vida dela. Mais ainda de ter a oportunidade dela fazer parte da minha vida.

Não sei se poderei ser tão presente na vida dela como posso ser hoje. Morrerei de ciúmes quando ela for crismada e escolher, de livre e espontânea vontade, uma outra madrinha ou padrinho.

Não sei como é amor de mãe, mas sei que o meu por esta menina chega a machucar, a me preocupar, a criar rotas de fuga para que algo aconteça perto de onde ela more. Que me fez subir uma favela, sem medo, para não acordá-la quando passasse o dia comigo, e entregasse para sua mãe lá em baixo, no beco. Ai como dói meu coração vê-la desaparecendo naquela pinguela. A cada passo em direção à sua casa, mais uma lágrima tenta escorrer de meus olhos.

“Não posso fazer nada, está além do meu alcance” digo para mim mesma, mas meu coração não entede. Quando está escuro, mantenho os faróis do carro em direção da pinguela para que, pelo menos, ela possa ver onde pisa. Sem brincadeira, vê-la caminhar em direção à sua casa, no meio do “morro”, segurando a mão de sua mãe, é uma das cenas mais emocionantes e marcantes que tenho na minha mente.

Ontem, no meu carro, sentada em sua cadeirinha, ela teimava com suas pálpebras que pesavam o mundo, e faziam com que ela fechasse os olhos. Ela queria ficar com os olhos abertos, aproveitando todos os momentos comigo. O CD da Adele já quase toca sozinho no carro. Paramos no sinal, e falei com ela “pode fechar os olhinhos”. Aliviada, ela assim o fez. Um sono bom, um sono cheio de alegria.

Minha borboletinha linda, minha neguinha gostosa!

Vou explodir

Sou daquele tipo de pessoa que não consegue guardar segredos quando se tratam de meu. Fico louca para que a pessoa para quem a surpresa, segredo se direciona saiba logo, porque assim a minha agonia pode ser compartilhada.

Por exemplo. Mr. M tem certeza que eu vou chegar nas bandas de lá dia 3/03. Mas não, vou chegar dia 2/03 (pra poder analisar as evidencias, pegá-lo no pulo). Ele não sabe. A mãe dele sabe, a irmã dele sabe, o pai sabe, menos ele.

Como eu sei que ele não visita aqui eu conto pra vocês. Mas to morrendo de agonia! Quero contar tudo!

Bizzare England {2 of 2}

Imagine vocês com viagem programada pros Estados Unidos e começa a tuitar loucamente que vai “destruir”, desenterrar a Marylin, “bombar” nos Istatis. Se fosse brasileiro, macaco velho, não faria tal absurdo, mas como você (no caso, eles) é britânico, dono do mundo. Tá bonito, tá ok, tá diplomático.

Image

Não obstante os bonitões tuitarem essas coisa (que cá prá nós são bobagens), os agentes de imigração americana procuraram na bagagem por PÁS! PÁS minha senhora! Simplesmente porque o gênio falou que ia desenterrar a Marylin! Ai ai! 

For the American Government: i do plan to go to USA and i promise i will behave and there are no need to worry about me 🙂